Git
Português (Brasil) ▾ Topics ▾ Latest version ▾ git-mergetool last updated in 2.33.0

NOME

git-mergetool - Execute ferramentas para a resolução de problemas quando houver conflitos de mesclagem

RESUMO

git mergetool [--tool=<ferramenta>] [-y | --[no-]prompt] [<arquivo>…​]

DESCRIÇÃO

Utilize o comando git mergetool para executar um dos vários utilitários de mesclagem para resolver os conflitos de mesclagem. Normalmente, é executado após o comando git merge.

Caso um ou mais parâmetros <arquivo> forem informados, o programa da ferramenta de mesclagem será executado para resolver as diferenças em cada arquivo (ignorando aqueles quem não tiverem conflitos). A especificação de um diretório incluirá todos os arquivos que não foram resolvidos neste caminho. Caso nenhum nome <arquivo> seja informado, o comando git mergetool executará o programa da ferramenta de mesclagem em todos os arquivos com conflitos de mesclagem.

OPÇÕES

-t <ferramenta>
--tool=<ferramenta>

Utilize o programa para a resolução da mesclagem definido através de <ferramenta>. Os valores válidos incluem emerge, gvimdiff, kdiff3, meld, vimdiff, e tortoisemerge. Execute o git mergetool --tool-help para a lista de configurações válidas da <ferramenta>.

Caso um programa para resolução da mesclagem não for informado, o comando git mergetool utilizará a variável de configuração merge.tool. Caso a variável de configuração merge.tool não esteja definida, o comando git mergetool escolherá uma predefinição apropriada.

Você pode de forma explicita informar um caminho completo para a ferramenta, definindo a variável de configuração mergetool.<ferramenta>.path. Por exemplo, você pode configurar o caminho absoluto para o kdiff3 configurando a opção mergetool.kdiff3.path. Caso contrário, o comando git mergetool assume que a ferramenta está disponível no PATH.

Em vez de executar um dos programas informados da ferramenta de mesclagem, o comando git mergetool pode ser customizado para executar um programa alternativo, informado na linha de comando para chamar em uma variável de configuração mergetool.<ferramenta>.cmd.

Quando o comando git mergetool é chamado com esta ferramenta (através da opção -t ou --tool ou da variável de configuração merge.tool), a linha de comando configurada será invocada com $BASE definido como o nome de um arquivo temporário contendo a base comum para a mesclagem, caso esteja disponível; $LOCAL definido como o nome de um arquivo temporário que contém o conteúdo do arquivo no ramo atual; $ REMOTE definido como o nome de um arquivo temporário que contém o conteúdo do arquivo a ser mesclado e $MERGED definido como o nome do arquivo onde a ferramenta de mesclagem deve gravar o resultado da resolução da mesclagem.

Caso a ferramenta de mesclagem personalizada indicar corretamente o sucesso da resolução de uma mesclagem com o seu código na saída, a variável de configuração mergetool.<ferramenta>.trustExitCode poderá ser definida como true. Caso contrário, o git mergetool solicitará ao usuário que indique o sucesso da resolução após o encerramento da ferramenta personalizada.

--tool-help

Exibe uma lista das ferramentas de mesclagem que podem ser utilizadas com a opção --tool.

-y
--no-prompt

Não avise antes de cada invocação do programa de resolução da mesclagem. Esta é a predefinição caso o programa para a resolução da mesclagem seja informada de forma explicita com a opção tool ou com a variável de configuração merge.tool.

--prompt

Avise antes de cada invocação do programa para a resolução da mesclagem, para dar ao usuário a chance de ignorar o caminho.

-g
--gui

Quando o comando git-difftool é chamado com a opção -g ou --gui, a ferramenta diff predefinida será lida na variável de configuração diff.guitool em vez do diff.tool. Caso a variável diff.guitool não esteja definida, retroagiremos para a ferramenta configurada em merge.guitool.

--no-gui

Substitui uma configuração anterior -g ou --gui e faz a leitura da ferramenta de mesclagem predefinida através da variável merge.tool já configurada.

-O<ordem-do-arquivo>

Processe os arquivos na ordem especificada na <ordem-do-arquivo> que tenha um padrão "shell glob" por linha. Substitui a variável de configuração diff.orderFile (consulte o comando git-config[1]). Para cancelar a variável diff.orderFile, utilize -O/dev/null.

ARQUIVOS TEMPORÁRIOS

O git mergetool cria arquivos de backup` * .orig` enquanto lida com as mesclagens. É seguro removê-los assim que um arquivo for mesclado e a sua sessão git mergetool tenha terminado.

Definir a variável de configuração mergetool.keepBackup como` false` faz com que o comando git mergetool remova automaticamente o backup enquanto os arquivos forem sendo mesclados com sucesso.

GIT

Parte do conjunto git[1]